PicNic… PicMe


tricotando
April 18, 2009, 9:37 am
Filed under: Artes Manuais, Uncategorized

novelo

novelo-4

Não é exatamente isso que se faz nos blogs da vida? Tricotar. Tricotar no sentido figurativo da coisa, afinal ninguém sai com um cachecol ou um manto depois de passear pelas linhas de um texto.

Imagino eu que a expressão tenha nascido da observação de senhoras tricotando (de fato) que, por pura prática, não precisam de tanta concentração nos pontos que escorrem de suas mãos, logo, uma futrica ou uma conversa faz imensa companhia.

Além de papear por aqui, gosto muito de tricotar. Ainda sou iniciante (em geral, sei de tudo um pouco, mas bem pouco de cada tudo), mas amooo ter meu cachecol by me!

Da primeira vez que fui a Buenos Aires, achei uma lojinha na Av. Santa Fé que vendia lãs. Foi exatamente a única de toda a viagem.

Como eu fui no inverno e por aqui as lãs Argentinas são as que mais me agradam, já tinha planos de adquirir diversos novelos.

Incrível como a imaginação é fértil. Eu já sei que muita coisa que vem de outros lugares não se encontra necessariamente no seu lugar de origem (culpadas: Globalização e Exportação). Descobri que o melhor do nosso café NUNCA fica por aqui, portanto, com outros artigos de outras partes do mundo (em geral terceiro mundo, no primeiro eles vêm em primeiro lugar), o mesmo ocorre.

Não adquiri nenhum novelo. Lá ainda se vende por meada (fios não dispostos em bolinhas – sabe aquela cena da vovó enrolando a lã pra acrescentar ao cesto de novelos? Então, ela comprava a meada de fios e tinha o IMENSO trabalho de tranformá-la em novelos!).

Hoje usamos mais os termos tricotar, novelos, agulhadas para metáforas do que realmente para descrever as etapas do processo de confeccionar uma peça a partir de uma meada de fios.

Nessa última viagem a Bs.As., voltei à exata lojinha e comprei (bem mais barato, dessa vez fui no verão) algumas cores.

É lógico que não quis fazer do jeito de sempre (duas agulhas e bons filmes), então resolvi aprender mais uma técnica (para saber sempre de tudo um pouco, e bem pouco, é preciso investir!): Tear de Tricô.

O lindo cachecol que nasce desse tear não é considerado uma tecelagem. Tecer consiste entrelaçar os fios de outra maneira que não a do tricô. Não consigo dar essa explicação assim tão detalhada, aqui estão as palavras que me escaparam.

novelos de lãCachecol

Gostaria de tecer mais comentários sobre esse mundo, mas ainda sou uma aprendiz.

Tenho esse desejo obscuro e compulsivo pelo aprendizado herdado. Sempre sonho que uma vó, uma tia, um pai, uma irmã, me passem seus saberes. Tenho vontade de sentar horas e aprender de tudo, com cada um que tem algo a oferecer. Essa minha sede por conhecimento hereditário é usualmente frustrante. Quanto tempo temos para sentar ao lado de um descendente e ensinar algum segredo? Por isso desenvolvi a paranóica mania da observação. Vejo, ouço, sugo o que eu acredito ser interessante, um dom de cada um que me apresenta algo novo.

O mais difícil é fazer as pessoas acreditarem que estou de fato interessada num assunto que é tão banal para elas. Tive essa clareza toda quando tive de ir a uma aula de tear. Tenho tanta coisa pra herdar da minha imensa família e tive que ir a uma aula!

É obvio que quero ir a aulas, conhecer coisas inusitadas e, quem sabe um dia, ensinar a alguém que não sabe ainda (ensinei a Beca a tricotar!), mas por que perder esse laço tão bom?

Essa é uma das coisas que mais sinto falta da mamãe, o incentivo ao novo e ao velho. A paciência de uma artesã e seu orgulho de transmitir seu conhecimento, como mestra nessa arte.

lojinha em BA

PS: Aqui tem a explicação de diversos pontos do tear tricô (eu nunca ia conseguir descrever isso!)


2 Comments so far
Leave a comment

Oi niii!!! :))
li o seu novo post, D+++++++ cm sempre!!! :DDDD
e lembrei k em casa tenho um cachecol k eu estou tricotando ha mais de um ano!!! pra um amigo meu… e ainda n acabei. :p e n tenciono acabar tao rapido pk cm n sei cm disfarcar os defeitos nas duas pontas… :p uma hora ce tem k me ensinar!!! :DDDD

ah e ja te falei k usei o cachecol k vc me fez durante o inverno inteiro??? :))))
BEIJAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAUUUUUUUUUMMMMMMMMMM!!!!!!
<3<3<3

Comment by Fer

[…] Usei lãs compradas aqui, outras em São Paulo e ainda umas remanescentes da minha viagem a BsAs. […]

Pingback by Cachecol « PicNic… PicMe




Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s



%d bloggers like this: